Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Mercados e tendências

Produtos inovadores e com preços mais acessíveis ao consumidor são estratégia do setor de maquiagem para seguir em alta em 2016

Ocupando a terceira posição no mercado mundial de maquiagens, o país registra crescimento médio anual de 15,6% na categoria nos últimos cinco anos.

Se 2015 não será lembrado com muito ânimo pela indústria brasileira de maquiagens, também não dará muitos motivos para ser esquecido. O setor, que em 2014 faturou US$ 3,455 milhões, segundo a Euromonitor, deve encerrar este ano de instabilidade política e recessão econômica no país em ligeira alta.

Maquiagens desenvolvidas pela Brasquim

Maquiagens desenvolvidas pela Brasquim

Em 2015, o consumidor não deixou de comprar. Ele acabou migrando para marcas mais baratas”, afirma Luciane da Cunha, gerente comercial e de novos negócios da Lipson, que desde 1989 atua no desenvolvimento, fabricação e envase de cosméticos para terceiros. A opinião é compartilhada por Natalia Antunes, da LUMI Cosméticos. “Com a alta do dólar, muitos consumidores buscaram alternativas com preços mais baixos e de origem nacional”, diz a sócia-proprietária da marca de perfumes e maquiagens. No mercado há dez anos, a empresa viu sua renda aumentar graças à expansão de 20% em sua equipe de revendedores em 2015. “Por conta da crise, o mercado informal de vendas cresceu em todo o país”, acrescenta.

Somando produtos para olhos, lábios, rosto e unhas, as maquiagens representam 7,7% do mercado total de cosméticos do Brasil. O país ocupa atualmente a terceira posição no consumo global de maquiagens e vêm registrando uma taxa de crescimento médio anual de 15,6% nos últimos cincos anos, de acordo com a Mintel.

A explicação para os bons números pode estar no lançamento de fórmulas mais leves e eficientes, adaptadas à pele e às necessidades das brasileiras. “Houve uma mudança no comportamento do consumidor”, diz Cunha, que acredita que não é somente cor, moda e tendência que são levadas em conta na hora de comprar.

Paula Aires, especialista em marketing técnico da Brasquim

Paula Aires, especialista em marketing técnico da Brasquim

A mulher de hoje busca maquiagens multifuncionais, com propriedades hidratantes e anti-idade, que corrijam as imperfeições da pele e tenham ação fotoprotetora, além de produtos com longa duração, que evitem várias reaplicações”, revela Paula Aires, especialista em marketing técnico da Brasquim, que importa e comercializa matérias-primas para cosméticos especiais. Para ela, ações mais agressivas nos pontos de venda, cursos de auto-maquiagem fornecidos por grandes empresas no setor e a popularidade de blogs de maquiadoras, que ensinam truques de beleza em vídeos na internet, também contribuíram para o bom desempenho das maquiagens no Brasil.

No Reino Unido, uma pesquisa recente do The NPD Group apontou ainda um outro vetor do mercado de maquiagens: as selfies. A moda de compartilhar autorretratos nas redes sociais incentiva mulheres a se maquiarem, em busca de um resultado satisfatório nas fotos. “Muitas celebridades que postam fotos maquiadas acabam servindo de modelo e inspiração para as fãs. Kim Kardashian e Beyoncé somam mais de 100 milhões de seguidores em seus perfis no Instagram. São mercados enormes, que movimentam marcas e produtos”, afirma Aires.

Apesar de um crescimento mais tímido esperado para os próximos anos, a categoria de maquiagens deve seguir em elevação no Brasil. Segundo a Mintel, a previsão é de alta anual de 11,8% nos próximos cinco anos. O setor deve investir em maquiagens de alta qualidade, porém mais acessíveis, para manter o mercado aquecido no país.

O ano de 2016 será desafiador. As marcas precisarão encontrar equilíbrio entre inovação e preços competitivos para o consumidor”, acredita Cunha. “Mas a beleza está totalmente associada à felicidade e autoestima e esses valores nunca serão deixados de lado pelas mulheres, mesmo em tempos de crise”, conclui Aires.

Renata Martins

Portfólio

© 2016 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

A última edição da feira MakeUp no NewYork, o evento B2B dedicado à cadeia de valor da indústria de maquiagem, foi um grande sucesso, segundo os organizadores. O evento, realizado nos dias 11 e 12 de setembro de 2019 no Center415 na 5th Avenue, Manhattan, recebeu mais de 3.800 visitantes, com crescimento de 12% do número de visitantes (...)

+ informações
Palavra de especialista
Índia desponta como novo gigante do mercado de beleza

Asia Cosme Lab
Índia desponta como novo gigante do mercado de beleza

Graças ao crescimento de sua população jovem (atualmente a maior do mundo), ao aumento de sua classe média e à expansão do uso da internet tanto nas cidades como nas zonas rurais, a Índia está a um passo de se tornar o próximo gigante do mercado de beleza, seguindo o exemplo da China. A agência Asia Cosme Lab mergulhou no fascinante mercado (...)

+ informações

Seções