Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

Mercado de cosméticos orgânicos e naturais ainda é pouco explorado no Brasil

Mais conscientes a respeito de questões ambientais e de saúde, consumidores buscam produtos de beleza naturais e sustentáveis, mas indústria esbarra em dificuldades.

Se no setor brasileiro de alimentos o crescimento de produtos orgânicos está na casa dos 35% ao ano, de acordo com o Projeto Organics Brasil, no de cosméticos, os números ainda são mais modestos. O último levantamento realizado pelo Euromonitor apontou um aumento de 7,4% na produção de artigos de beleza orgânicos e naturais entre os anos de 2010 e 2012.

Linha Sapien Women, da Surya Brasil

Linha Sapien Women, da Surya Brasil

O Brasil, com sua rica biodiversidade, tem um potencial enorme neste mercado, mas ainda esbarra em dificuldades. Um delas é a falta de uma legislação específica.
A lei que regula a cadeia produtiva e a comercialização de orgânicos no país está em vigor desde 2011, mas nenhuma normativa sobre cosméticos foi publicada até o momento. Algumas empresas recorrem a certificadoras internacionais, como a francesa Ecocert, mas nem todas conseguem subsidiar seus custos.

A carência de fornecedores especializados em insumos orgânicos também é um entrave. Até 2012, pouco mais de cinco mil constavam no Cadastro Nacional de Produtores de Orgânicos – um número relativamente pequeno para garantir a produção em escala industrial. A falta de conhecimento e conscientização por parte do consumidor é a outra barreira que a indústria da beleza orgânica enfrenta no país. Mas este cenário vem mudando.

É cada vez maior o interesse dos brasileiros por cosméticos e produtos de higiene pessoal livres de ingredientes que possam ser nocivos à saúde e também ao meio ambiente. “Sentimos, ao longo do tempo, uma evolução muito grande na busca de informação por parte do consumidor, o que o leva a tomar decisões de compra cada vez mais conscientes, sempre com o objetivo de buscar beleza com saúde”, diz Clelia Angelon, fundadora da Surya Brasil, empresa nacional que lidera a produção de cosméticos naturais, orgânicos e veganos.

Criada em 1995, por uma necessidade pessoal da empreendedora, que procurava uma coloração menos agressiva para seus cabelos, a marca se desenvolveu comprometida com a proteção ambiental e animal, elaborando produtos orgânicos, livres de testes em animais e de componentes de origem animal, que hoje são vendidos em mais de 30 países.

A empresa tem em seu catálogo 150 itens, distribuídos em 10 linhas distintas, incluindo a coloração capilar em pó Henna, protetores labiais 100% veganos e a linha Sapien Women, com produtos para corpo, cabelos e banho. “Temos boas novidades a caminho. Um dos destaques é o removedor de esmaltes orgânico da linha Exotic Animals, com solventes amigos da natureza e glicerina vegetal. Seus óleos nutrem intensamente as unhas, evitando que fiquem secas e esbranquiçadas. O produto não contém acetona e possui certificação Ecocert, que garante a origem de seus ingredientes orgânicos”, afirma Angelon.

VeggieBox com produtos

VeggieBox com produtos

A Surya Brasil foi uma das primeiras marcas selecionadas pelas primas Mila Amaro e Priscila Melo quando criaram, em março deste ano, a e-cosmétique, loja virtual focada em cosméticos orgânicos, naturais e veganos. “Decidimos abrir o e-commerce porque acreditamos muito nesse tipo de produto como consumidoras”, afirma Amaro. No portfólio, estão cerca de 400 artigos sem componentes sintéticos ou artificiais e produzidos por empresas que se preocupam com a sustentabilidade. “Queremos cuidar do nosso corpo de forma saudável e contribuir para o bem estar do ser humano e do planeta”, completa Melo.

Outra empresa recém-lançada que também explora este nicho é a VeggieBox, serviço de assinatura que entrega mensalmente nas casas dos clientes uma caixinha com cosméticos naturais, 100% livres de insumos animais e de testes realizados em animais. Para ajudar os consumidores a descobrirem esses produtos concebidos de forma consciente, uma seleção cuidadosa dos artigos é realizada. “Contamos com a ajuda de blogueiras do segmento e pesquisamos todos os componentes para saber realmente se há certificação”, diz Samyra Cunha, uma das proprietárias do negócio.

Renata Martins

Portfólio

© 2015 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Qualipac e Verescence vencedores do Prêmio Luxe Pack in Green Monaco 2018

Qualipac e Verescence vencedores do Prêmio Luxe Pack in Green Monaco 2018

Na 31ª edição da feira Luxe Pack Monaco, o júri do Luxe Pack in Green Awards, um prêmio anual que reconhece as soluções de embalagem mais ecológicas no setor de luxo, bem como as ações corporativas responsáveis, designou os vencedores do ano 2018. Qualipac ganha o prêmio na categoria Packaging Solutions O preço da melhor solução de (...)

+ informações
Palavra de especialista
O Brasil é a nova Coreia do cabelo?

Emmanuelle Bassmann
O Brasil é a nova Coreia do cabelo?

A Brasil International Beauty Fair é a maior feira comercial de beleza da América do Sul. A edição 2018 aconteceu em 08 -11 de setembro de 2018 em São Paulo, Brasil. Veja a seguir uma visão geral das principais tendências e destaques em inovação de produto. O Brasil sempre foi reconhecido por ser inovador no setor de beleza. (...)

+ informações

Seções