Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

FCE Cosmetique 2019 discute o impacto da indústria 4.0 no setor da beleza

Com participação de 550 marcas e expectativa de 16 mil visitantes, a feira completa 24 anos com o compromisso de apresentar as principais tendências do mercado e impulsionar novos negócios.

Diego Carvalho, diretor da FCE Cosmetique

Diego Carvalho, diretor da FCE Cosmetique

Abrir o calendário de feiras de cosméticos na América Latina não é uma tarefa fácil. Há 24 anos a FCE Cosmetique tem essa missão. Em 2019, o evento propõe discutir como a indústria 4.0 pode revolucionar o mercado da beleza. Estão na pauta temas como big data, blockchain, drones e impressoras 3D. Em entrevista para o Brazil Beauty News, o diretor de portfólio da FCE Cosmetique Diego Carvalho fala das novidades da edição que acontece de 21 a 23 de maio, em São Paulo.

Brazil Beauty News - Quantos expositores estão nesta edição?

Diego Carvalho – Temos mais de 550 expositores [1]. Criamos novos espaços com o objetivo de atrair segmentos diferentes. Teremos empresas de automação e matéria-prima, por exemplo, que participam do evento pela primeira vez. Outra novidade é o setor Logitech Science, com a presença de grandes nomes do ramo logístico.

Brazil Beauty News - Quantos visitantes vocês esperam receber?

Diego Carvalho - Esperamos 16 mil visitantes.

Brazil Beauty News - Quais são as novidades preparadas para este ano?

Diego Carvalho - Este ano, a feira trabalha o conceito de indústria 4.0 e como ele está influenciando o segmento de cosméticos e o desenvolvimento das matérias-primas. Entre as novas atrações, estão a R&D Academy, que apresenta o laboratório do futuro, onde sistemas e tecnologias se comunicarão de forma autônoma e os fluxos de processos serão automatizados.

No Innovation Center, focado em pesquisa, desenvolvimento e marketing, além da exposição de novos produtos e insumos, os visitantes poderão participar de palestras e experiências sensoriais e demonstrações.

Já o Insight Experience visa gerar negócios e criar uma rede de lideranças, contando com a presença de grandes convidados, inclusive internacionais, por meio de parcerias com centros educacionais como Ernest Young, Insper e MIT.

Brazil Beauty News - A programação da feira traz eventos especiais?

Diego Carvalho - Este ano, o Brasil recebe o COLAMIQC - Congresso Latino-Americano e Ibérico de Químicos Cosméticos, o maior do segmento na América Latina. O evento bianual representado pela ABC (Associação Brasileira de Cosmetologia) é o único do setor que reúne desde startups até grandes indústrias fornecedoras de matérias-primas, embalagens, fragrâncias, serviços e outros segmentos da cadeia produtiva, além das principais universidades que produzem pesquisas científicas e trabalhos técnicos.

Também teremos o Congresso Logitech Science, responsável por promover o debate e mostrar como os laboratórios, distribuidoras, drogarias e os setores cosmético e farmacêutico poderão usar tecnologias para acompanhar a ruptura que a logística 4.0 trará em curto prazo nesse mercado. Serão debatidos temas como big data, blockchain, drones, impressoras 3D, entre tantos outros, com as melhores práticas de gestão.

Brazil Beauty News - Como você vê a evolução do mercado brasileiro de cosméticos nos últimos anos?

Diego Carvalho - O mercado brasileiro de cosméticos enfrentou anos difíceis por conta da recessão econômica. Tivemos que nos adaptar às novas demandas dos consumidores, interessados em produtos mais acessíveis e de maior custo-benefício. A inovação do setor é um ponto importante, pois o país é um dos mais vastos e atrativos para o desenvolvimento de novos produtos, devido à alta miscigenação da população. Em 2018, tivemos a abertura de novas fábricas de cosméticos e de institutos de pesquisa e inovação patrocinados por marcas, como a L’Oréal Brasil.

Destaco também os ótimos resultados no mercado masculino, que representa 30% do faturamento do setor e possui vasto espaço para ampliação.

Para 2019, estima-se um aumento de 4,1% nas vendas de cosméticos no país, com faturamento de R$ 50,43 bilhões. Acredito que o mercado voltará a crescer mais expressivamente, mantendo sua posição como um dos maiores do mundo.

Brazil Beauty News - Qual será o futuro da FCE Cosmetique?

Diego Carvalho - Em 2020, a FCE Cosmetique comemora 25 anos e mantém o compromisso de impulsionar negócios no mercado ao apresentar os principais lançamentos e tendências, já que somos a primeira feira desta indústria no calendário da América Latina.

O futuro é promissor. Esperamos continuar entregando um evento completo, atual, inovador e que guie o setor pelos próximos anos.

Verônica Domingues

Observações

[1Em comparação com 570 em 2018

Portfólio

© 2019 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
in-cosmetics retorna ao Brasil nos próximos 18 e 19 de setembro

in-cosmetics retorna ao Brasil nos próximos 18 e 19 de setembro

Quando se trata de beleza, o Brasil se tornou um criador de tendências na América Latina, graças à abundância dos recursos naturais e à propensão à inovação. Agora o quarto maior mercado do mundo, o país sediará a sexta edição da in-cosmetics Latin America, que acontecera em São Paulo os 18 e 19 de setembro de 2019. De acordo com a Euromonitor (...)

+ informações
Palavra de especialista
American Insights: As novas milionárias da beleza

Laurence Bacilieri
American Insights: As novas milionárias da beleza

Dizer que o mercado americano de beleza e cuidados pessoais está superaquecido - ou melhor, saturado - não é novidade nenhuma. Porém, um seleto grupo de pessoas tem conseguido remar contra a maré. Veja a seguir como algumas das mulheres mais ricas dos Estados Unidos conquistaram um sucesso fulgurante no setor de cosméticos. Serena (...)

+ informações

Seções