Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

Natura anuncia compra da Avon e se torna quarta maior empresa de cosméticos no mundo

A fabricante brasileira de cosméticos Natura confirmou a compra da concorrente norte-americana Avon. A operação de troca de ações avalia o enterprise value da Avon em US$ 3,7 bilhões (cerca de R$ 15 bilhões), e o grupo combinado em aproximadamente US$ 11 bilhões cerca de R$ 44,5 bilhões).

Com a aquisição de Avon, o grupo Natura &Co se torna o quarto maior grupo (...)

Com a aquisição de Avon, o grupo Natura &Co se torna o quarto maior grupo de beleza no mundo.

A combinação cria um grupo líder na relação direta com suas consumidoras, por meio das mais de 6,3 milhões de Representantes e Consultoras da Avon e da Natura, presença geográfica global, com 3,2 mil lojas, e uma crescente força digital. Com a Avon, a Natura &Co terá faturamento bruto anual superior a US$ 10 bilhões, mais de 40 mil colaboradores e presença em cem países. Com essa aquisição, o grupo Natura &Co se torna o quarto maior grupo de beleza no mundo.

De acordo com o grupo, a inclusão da Avon em um portfólio que já conta com Natura, The Body Shop e Aesop amplia a capacidade de Natura &Co de atender seus diferentes perfis de clientes, em diversos canais de distribuição, expandindo sua atuação para novas regiões.

Sinergias e redes sociais

A empresa diz esperar sinergias entre US$ 150 milhões e US$ 250 milhões anuais, “algumas das quais serão reinvestidas para aumentar ainda mais sua presença nos canais digitais e mídias sociais, em pesquisa e desenvolvimento, iniciativas de marca e expansão da presença geográfica do grupo”.

"A venda direta já era uma rede social antes mesmo de a palavra existir, e a chegada da tecnologia e da globalização apenas multiplicou as oportunidades de se conectar com os consumidores. O modelo de negócios está evoluindo para a venda social”, afirma Luiz Seabra, cofundador da Natura.

A transição do modelo tradicional de venda direta para um esquema mais digital deve, de fato, ser a chave para o sucesso da operação.

Como parte desta transação, foi criada uma nova holding brasileira, Natura Holding S.A. Os acionistas de Natura &Co ficarão com 76% da companhia combinada, enquanto os acionistas da Avon terão aproximadamente 24%.

Vincent Gallon

Portfólio

© 2019 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

A última edição da feira MakeUp no NewYork, o evento B2B dedicado à cadeia de valor da indústria de maquiagem, foi um grande sucesso, segundo os organizadores. O evento, realizado nos dias 11 e 12 de setembro de 2019 no Center415 na 5th Avenue, Manhattan, recebeu mais de 3.800 visitantes, com crescimento de 12% do número de visitantes (...)

+ informações
Palavra de especialista
Victoria's Secret ou o fracasso de um posicionamento conservador

Laurence Bacilieri
Victoria’s Secret ou o fracasso de um posicionamento conservador

O cancelamento do show da Victoria’s Secret não chegou a ser uma surpresa. Em maio, o jornal New York Times já havia revelado que o desfile não teria mais patrocínio para a transmissão pela televisão. "A Victoria’s Secret precisa se reinventar para crescer. Por isso, decidimos repensar o tradicional Fashion Show da marca e criar um evento (...)

+ informações

Seções