Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Ambiente

L’Oréal e Beiersdorf estão entre as poucas empresas a agir contra o desmatamento, conclui a CDP

A L’Oréal foi apontada como uma das empresas que mais se empenham em favor da sustentabilidade da cadeia de abastecimento de óleo de palma. A gigante de cosméticos ganhou destaque, juntamente com a fabricante alemã de bens de consumo Beiersdorf AG, em um recente relatório sobre sustentabilidade publicado pela CDP, organização ambiental sem fins lucrativos. O objetivo do relatório é apresentar uma análise da relação entre empresas e proteção florestal.

"Para incentivar a gestão da pegada florestal por parte de seus fornecedores, a L’Oréal criou o Sustainable Palm Index, índice que avalia o compromisso dessas empresas e as ações por elas desenvolvidas para combater o desmatamento", divulgou esta semana a CDP.

A L'Oréal foi apontada como uma das empresas que mais se empenham em favor da (...)

A L’Oréal foi apontada como uma das empresas que mais se empenham em favor da sustentabilidade da cadeia de abastecimento de óleo de palma. (Foto: © Aurore Maréchal / AFP)

Contudo, o relatório - conhecido como The Money Trees - também ressaltou que vários grandes grupos corporativos costumam driblar a transparência quando o assunto é desmatamento. Em 2018, a CDP e outras organizações solicitaram, a 1.500 empresas com impacto considerado significativo sobre as florestas, que fornecessem uma série de dados por meio da plataforma disponibilizada pela CDP para este fim. No entanto, 70% dessas companhias ignoraram o pedido - ou seja, mais de 350 grandes empresas não apresentaram dados referentes ao triênio 2016-2018, incluindo as gigantes do vestuário Next e Sports Direct. Foi solicitado às empresas que informassem como é feito o abastecimento de madeira, óleo de palma, gado e soja, e que descrevessem detalhadamente as ações realizadas por elas para reduzir o desmatamento em sua cadeia de suprimentos.

"Há séculos as empresas têm ignorado o impacto da cadeia de suprimentos para as florestas do planeta, sem levar a sério os riscos que isso representa, tanto para seus próprios negócios como para o meio ambiente," declarou Morgan Gillespy, Global Director of Forests da CDP. "A preocupação com o meio ambiente atingiu um nível recorde, e tem-se exigido transparência por parte das empresas, bem como ações concretas para a proteção das florestas. Cada vez mais, os consumidores querem ter certeza de que suas compras não estejam contribuindo para a destruição da Amazônia, a extinção dos orangotangos e a crise climática."

Segundo a CDP, vários grandes grupos corporativos costumam driblar a (...)

Segundo a CDP, vários grandes grupos corporativos costumam driblar a transparência quando o assunto é desmatamento. (Photo: © Conny Sjostrom / shutterstock.com)

Ao todo, 306 empresas preencheram os dados da plataforma da CDP em 2018. O relatório mostrou que 24% dentre elas pouco ou nada tinham feito para reduzir o desmatamento. Outra descoberta importante é que a taxa de transparência corporativa em matéria de proteção florestal, de 30%, ainda é muito baixa se comparada à de outras áreas, como mudanças climáticas e segurança hídrica - ambas com 43%.

AFP/Relaxnews
(Tradução: Maria Marques)

© 2019 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

A última edição da feira MakeUp no NewYork, o evento B2B dedicado à cadeia de valor da indústria de maquiagem, foi um grande sucesso, segundo os organizadores. O evento, realizado nos dias 11 e 12 de setembro de 2019 no Center415 na 5th Avenue, Manhattan, recebeu mais de 3.800 visitantes, com crescimento de 12% do número de visitantes (...)

+ informações
Palavra de especialista
Tendência olfativa: o impacto de essências minerais

Aliénor Massenet
Tendência olfativa: o impacto de essências minerais

Substâncias sólidas, inorgânicas e cristalizadas, os minerais resultam de um processo geológico natural. No setor de perfumes, a mineralidade é um conceito subjetivo, pois não existe uma família mineral propriamente dita. Com facetas úmidas e salgadas, as notas minerais oferecem aos perfumistas uma nova maneira de expressar o frescor em suas (...)

+ informações

Seções