Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Laurence Bacilieri

Victoria’s Secret ou o fracasso de um posicionamento conservador

O cancelamento do show da Victoria’s Secret não chegou a ser uma surpresa. Em maio, o jornal New York Times já havia revelado que o desfile não teria mais patrocínio para a transmissão pela televisão.

"A Victoria’s Secret precisa se reinventar para crescer. Por isso, decidimos repensar o tradicional Fashion Show da marca e criar um evento totalmente diferente no futuro". De 2001 a 2018, milhões de telespectadores prestigiaram o programa, que durante uma hora alternava apresentações na passarela e confidências das Angels nos bastidores. Mas, desde o ano passado, o brilho das tops parecia já não ser mais o mesmo. O desfile registrou o pior índice de audiência dos últimos cinco anos nos Estados Unidos, despencando de 5 milhões de pessoas no ano anterior para 3,3 milhões de espectadores.

Modelos posam durante o Victoria's Secret Fashion Show 2016 em 30 de (...)

Modelos posam durante o Victoria’s Secret Fashion Show 2016 em 30 de novembro de 2016 em Paris, França. (Foto Paris, França - 30 de novembro de 2016 © FashionStock.com)

Modelos plus size e transgêneros, é bom saber: a Victoria’s Secret não os representa. Mas qual é o problema? O problema é que, mais uma vez, a imagem de uma grande marca é manchada porque os dirigentes se recusam a enxergar o mundo lá fora. O marketing da Victoria’s Secret continua requentando os mesmos ingredientes de vinte anos atrás: sutiãs push-up, sensualidade exacerbada e mulheres divinas, impecavelmente retocadas com Photoshop.

Em dois anos, a Victoria’s Secret perdeu mais de 3,8 milhões de clientes e fechou mais de 80 lojas nos Estados Unidos, abrindo outras tantas em diversos países. Por exemplo, na França: depois de organizar, em 2016, o desfile das Angels sob as imensas vidraças do Grand Palais, a marca acaba de inaugurar sua primeira loja francesa no centro comercial Forum des Halles, em pleno coração de Paris.

No outro extremo, Rihanna, cantora com uma bem-sucedida carreira nos negócios, agitou a web com seus desfiles de lingerie Savage X Fenty, apresentados na Fashion Week de Nova York pelo segundo ano consecutivo. De acordo com os críticos, o espetáculo oferecido por Rihanna é tudo o que o desfile anual da Victoria’s Secret não é - inclusivo e diversificado, com modelos dos mais variados tamanhos, formas e origens étnicas.

Frente da loja Victoria's Secret no shopping Vaughan Mills, em Toronto. A (...)

Frente da loja Victoria’s Secret no shopping Vaughan Mills, em Toronto. A Victoria’s Secret é a maior varejista americana de lingerie feminina. (Foto: Toronto, Canadá - 19 de janeiro de 2018 © JHVEPhoto / shutterstock.com)

Ao distribuir e vender seus produtos pela Amazon, Rihanna consegue alcançar um imenso reservatório de clientes potenciais - só nos Estados Unidos são cerca de 100 milhões de membros Prime. Além disso, a marca é amplamente divulgada aos quatro cantos do planeta, tanto pela presença na Amazon como graças à venda dos produtos diretamente no site da marca.

Laurence Bacilieri - Cosmetic Ressources
(Tradução: Maria Marques)

© 2019 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

Sobre Laurence Bacilieri

Laurence Bacilieri especializou-se na indústria de cosméticos, na qual atua há mais de 30 anos. Sua trajetória inclui experiências como jornalista para a imprensa especializada, consultora expert em beleza para um programa da televisão americana e consultora sênior para o Mintel Group. Titular de um MBA pela Universidade de Columbia, ela fala fluentemente o inglês e o francês.

Com um trabalho 100% focalizado no monitoramento dos mercados de cosméticos, Laurence Bacilieri criou a Cosmetic Ressources, escritório de consultoria em Marketing Intelligence especializado em beleza, novas tendências de produtos e conhecimento dos consumidores.

Laurence Bacilieri presta assessoria a empresas, ajudando-as a vencer os desafios no processo de desenvolvimento de produtos e marketing.

Site da agência:
http://cosmeticressources.org

Foco
MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

MakeUp in New York se desloca ao Javits Center para continuar seu crescimento

A última edição da feira MakeUp no NewYork, o evento B2B dedicado à cadeia de valor da indústria de maquiagem, foi um grande sucesso, segundo os organizadores. O evento, realizado nos dias 11 e 12 de setembro de 2019 no Center415 na 5th Avenue, Manhattan, recebeu mais de 3.800 visitantes, com crescimento de 12% do número de visitantes (...)

+ informações
Palavra de especialista
Victoria's Secret ou o fracasso de um posicionamento conservador

Laurence Bacilieri
Victoria’s Secret ou o fracasso de um posicionamento conservador

O cancelamento do show da Victoria’s Secret não chegou a ser uma surpresa. Em maio, o jornal New York Times já havia revelado que o desfile não teria mais patrocínio para a transmissão pela televisão. "A Victoria’s Secret precisa se reinventar para crescer. Por isso, decidimos repensar o tradicional Fashion Show da marca e criar um evento (...)

+ informações

Seções