Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

Nordeste registra o maior crescimento do país no setor cosmético

O Nordeste é a região brasileira que mais cresce no setor de higiene pessoal perfumaria e cosméticos nos últimos anos. Segundo dados divulgados pela ABIHPEC (Associação Brasileira da Indústria de Higiene, Perfumaria e Cosméticos), atualmente existem 256 empresas registradas em seus estados, 12 a mais do que em 2013.

Presidente do Grupo Boticário, Artur Grynbaum

Presidente do Grupo Boticário, Artur Grynbaum

De acordo com a associação, os números representam um aumento de 4,9%, bastante expressivo em relação às demais regiões do país, que crescem cerca de 2,3% ao ano. O Sudeste é a região que concentra a maioria das empresas (1511) e também a que atraiu maior quantidade de indústrias em 2014. No último ano, seus estados receberam 17 novas empresas, registrando um crescimento de 1.1%.
Na análise de crescimento dos últimos 10 anos, o Nordeste também aparece na liderança, com um aumento de 175,3% no número de empresas instaladas em comparação com o Sudeste (57,1%), Sul (71,2%), Norte (80,8%) e Centro-Oeste (169,2%).

Tanto interesse pela região pode ser explicado por vários fatores ligados a mudanças na economia brasileira no período. O último relatório da ABIHPEC aponta o aumento da renda e o acesso das classes D e E aos produtos do setor. Os novos integrantes da classe C, responsável por 40% do consumo de itens de beleza no país, também passaram a escolher produtos com maior valor agregado, sendo que três a cada 10 pessoas que ingressaram nesse segmento são do Nordeste.

O potencial do mercado na região também foi indicado em pesquisa divulgada pelo IBOPE em 2013. Os dados apontam que o Nordeste é o segundo maior consumidor de cosméticos do país, com 19% do total, atrás apenas do Sudeste, responsável por 50% do consumo. As oportunidades também atingem o setor de serviços – Salvador ocupa o terceiro lugar no ranking de cidades com mais salões de beleza no país.
Entre as empresas que chegaram ao Nordeste nos últimos meses está o Grupo Boticário. A marca investiu R$ 380 milhões na nova unidade, inaugurada em setembro no município de Camaçari, Bahia, a 40km de Salvador. É o maior investimento em um empreendimento já feito pela empresa. A fábrica pode produzir até 150 milhões de itens por ano, elevando a capacidade produtiva do grupo em 50%.

Em abril deste ano, O Boticário inaugurou, também na Bahia, um novo centro de distribuição, no município de São Gonçalo dos Campos. O investimento foi de R$ 155 milhões e o novo CD é responsável pelas entregas de cosméticos e artigos de perfumaria para nove estados das regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste.

O presidente do Grupo Boticário, Artur Grynbaum, aponta o crescimento do mercado na região como um dos motivos para os investimentos na Bahia. “Com a nova fábrica, vamos dar mais fluidez à produção e distribuição dos nossos produtos para os estados do Norte e Nordeste, onde o nosso mercado mais cresce, e parte do Centro-Oeste”, afirma Grynbaum.

Uma das líderes no segmento de higiene pessoal, a Kimberly-Clark Brasil também escolheu Camaçari para implantar sua quinta fábrica no país em 2013. A empresa já mantinha a divisão de negócios e um centro de distribuição em Recife desde 2008. O objetivo é ampliar a participação no mercado local, mediante o crescimento do consumo na região. Foram investidos R$ 100 milhões na implantação da unidade, que fabrica produtos como absorventes, fraldas infantis e papéis higiênicos.

A empresa aponta o Nordeste como o maior mercado consumidor em categorias como cuidados infantis e femininos. Para a escolha do local, a Kimberly-Clark realizou um amplo estudo sobre o mercado, malha logística, localização de fornecedores, aspectos ambientais e fiscais, além de disponibilidade de mão de obra. Em 2013, as vendas da empresa no Nordeste cresceram 26%. Entre 2010 e 2012, a expansão foi de 62%.

Aline Quezada

Portfólio

© 2014 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

O novo princípio ativo sensorial da Symrise proporciona uma suave sensação de calor sobre a pele, semelhante à de um raio de sol. Com o nome de Thermolat, ele foi desenvolvido para entrar na composição de cremes, géis e bálsamos e produz efeitos duradouros, com a vantagem de não provocar sensação de ardência ou queimação. "Comparado com o (...)

+ informações
Palavra de especialista
Inovação genderless baseada na neurociência

John Jiménez
Inovação genderless baseada na neurociência

A história da dança tem sido cheia de inovação, desde as primeiras criações de balé de Jean Georges Noverre, a dança moderna de Isadora Duncan, Martha Graham, Rudolph Nureyev e Pina Bausch até as interpretações modernas de Yanis Marshal, finalista da Britain’s Got Talent. A aclamada revista Science lançou durante alguns anos o concurso "Dance (...)

+ informações

Seções