Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Embalagem e design

Alto índice de customização impulsiona mercado de perfumes no Brasil

O maior mercado mundial de fragrâncias atende os exigentes consumidores com inovação constante, diz o fabricante de embalagens MWV.

Para os brasileiros, o hábito de usar perfume já se tornou um ritual diário. Dados recentes da pesquisa Mintel apontam que 90% possuem produtos e 84% os usam todos os dias. Esse cenário coloca o País na liderança mundial em vendas e volume no segmento; e a expectativa é que o mercado atinja US$5.1 bilhões em vendas em 2017.

Embalagem, uma arma de diferenciação

Com toda essa explosão de fragrâncias, a atenção do consumidor brasileiro é altamente disputada e os fabricantes não medem esforços na busca de diferenciais. E a embalagem é uma das principais armas nessa disputa, diz MWV, fabricante de válvulas dispensadoras e sprays para o segmento de Beauty & Personal Care. “O Brasil é hoje o País com o maior índice de customização nas embalagens de perfumes em todo o mundo. São novos tipos de válvulas, sprays, pescantes, tampas exclusivas com novos designs, cores diferenciadas, aplicação de materiais inovadores e até mesmo spraycaps - onde a própria tampa é o atuador do perfume.

O consumidor brasileiro já percebe os diferenciais e o valor agregado em cada novo perfume que chega ao mercado e a cadeia de fornecedores desenvolve-se cada vez mais para atender aos anseios dos fabricantes. A customização procura atender também aos novos padrões de produtividade e reciclagem de materiais que colocam o Brasil na vanguarda.

Brasil: O melhor lugar para inovar

Eduardo Scalese, da MWV, incluindo as reconhecidas válvulas Melodie e todas as suas seis variantes, aponta o Brasil como o mercado mais interessante para o desenvolvimento de novos projetos. “Estamos cada vez mais envolvidos com nossos clientes desde o começo da criação dos novos perfumes e conseguimos oferecer soluções criativas e customizadas que vão atender ao perfil consumidor específico de cada produto”, explica.

A importância dessa customização pode ser verificada com o levantamento realizado em 2014 pela MWV, que mostra que 88% dos consumidores consideram o spray do perfume como item essencial para a tomada da decisão de compra. O spray estabelece uma conexão emocional com o consumidor e ele percebe as diferentes nuances. Daí, para cada perfil pode-se indicar um tipo específico de spray, que produzirá experiências diferentes na utilização da fragrância.

Há mulheres que gostam de perfumar-se passando por uma ‘nuvem’ de fragrância, enquanto outras têm o hábito de levar o frasco na bolsa e aplicar o perfume várias vezes ao dia, nesse caso é necessário um spray discreto e suave”, explica Scalese. “Já os homens apreciam um spray curto e eficiente”, completa. “Diversas variações são possíveis, desde sprays suaves e discretos a dispersões finas e poderosas.

© 2014 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

O recém lançado eau de parfum masculino de Eudora, Impression, fala de um homem sofisticado, que soube criar e aproveitar as oportunidades que a vida lhe deu para evoluir. Com notas amadeiradas e ambaradas, a fragrância é baseada em cistus labdanum, musk e patchouli. A Centdegrés foi escolhida para representar através do design do (...)

+ informações
Palavra de especialista
Dr Dennis Gross: carro-chefe do mercado americano de tratamentos de ponta para a pele

Emmanuelle Bassmann
Dr Dennis Gross: carro-chefe do mercado americano de tratamentos de ponta para a pele

Quais são as novas propostas dos tratamentos dermatológicos? Que estratégias estão sendo desenvolvidas pelas principais marcas lançadas por profissionais de medicina ou baseadas em conceitos medicinais? Veja a seguir como a marca Dr Dennis Gross responde a essas perguntas. A linha de cuidados do Dr. Dennis Gross, lançada em 2002, teve (...)

+ informações

Seções