Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

The Body Shop planeja chegar a 500 lojas no Brasil até 2019

Desde o anúncio da entrada da The Body Shop no Brasil em outubro de 2013, os consumidores brasileiros esperou por um ano. Conhecida por seus produtos de base natural e vegetal, fabricados de maneira sustentável, a The Body Shop mostrou que veio para ficar, com a inauguração de novas lojas e a transição de unidades do Empório Body Store para a nova bandeira em todas as regiões do Brasil.

Tobias Chanan, fundador da Emporio Body Store

Tobias Chanan, fundador da Emporio Body Store

500 lojas em cinco anos

L’Oréal anunciou a entrada de The Body Shop no Brasil em outubro de 2013, com a aquisição de 51% da Emporio Body Store. Embora dados sobre investimentos, plano de expansão e desenvolvimento de produtos no Brasil não tenham disso divulgados, até o final de 2014, quando a matéria foi realizada, a The Body Shop estava presente em 130 pontos de venda, tanto pelas lojas Empório Body Store, como pelas lojas The Body Shop. A previsão é que todas as lojas Empório Body Store se transformem em The Body Shop em 2015. A The Body Shop anunciou que planeja expandir o número de franquias de 122 para 500 em cinco anos.

A marca está sendo muito bem recebida e estamos cuidando do projeto com carinho para seguir com uma relação sólida, com mercado e público, que conquistamos nestes primeiros meses no país,” afirma Tobias Chanan, fundador da Empório Body Store.

Sobre especulações que envolvem a abertura de uma fábrica da The Body Shop no Brasil, Chanan diz que neste primeiro momento, todos os itens da marca serão importados”.

Matérias-primas brasileiras

O projeto brasileiro pode ser uma boa oportunidade de expandir o uso de matérias-primas nativas pela The Body Shop. Atualmente, a multinacional trabalha em parceria com comunidades de agricultores, artesãos e cooperativas rurais em mais de 20 países, mas apenas duas matérias-primas são extraídas de solo brasileiro - óleo de soja e óleo de babaçu - e os produtos fabricados a partir desses insumos ainda não estão disponíveis no Brasil.

Um sucesso brasileiro

O Empório Body Store foi inaugurado em 1997 por Tobias Chanan, com uma loja de cosméticos importados no Shopping Iguatemi, em Porto Alegre. A operação foi viabilizada pelo câmbio favorável e a popularidade dos produtos internacionais no mercado brasileiro na década de 90. Mas foi só em 2001 que a marca ganhou o caráter de empório: inspirado por uma viagem à Califórnia, Chanan adotou um conceito artesanal para a fabricação dos produtos, que segue como a principal filosofia da empresa.

Dez anos depois, o empresário Hélio Seibel, enxergou o potencial da Empório Body Store e adquiriu 65% da empresa, o que possibilitou a instalação de uma fábrica própria e a consolidação do modelo de franquias. Com um faturamento de R$ 20 milhões em 2012, atraiu a atenção da The Body Shop, que já tinha operações em 60 países, mas ainda estava estudando sua entrada no varejo brasileiro.

As lojas da The Body Shop no Brasil se unem a mais de três mil pontos de venda em todo o mundo. Entre seus produtos icônicos, está a primeira body butter do mercado, lançada em 1992. Segundo dados da empresa, uma unidade do produto é vendida a cada dois segundos. Já a Empório Body Store ficou conhecida no Brasil por suas linhas Lolita, Leite de Cabra e Sakura No Ki, com artigos para o banho e o cuidado do corpo.

A inglesa Lush, que retornou ao Brasil em março, e a Australiana Aesop, que abre sua segunda loja em São Paulo em janeiro de 2015, estão entre as concorrentes da The Body Shop no país. Não por acaso, as três marcas possuem diversos valores em comum, incluindo o apoio a iniciativas de comércio justo e a campanha contra testes em animais.

Fernanda Bonifacio

Portfólio

© 2015 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

As feiras FCE Cosmetique e FCE Pharma, que aconteceram entre os dias 23 e 25 de maio de 2017, receberam 15.400 visitantes e registrou um crescimento de 9%, em comparação com o ano anterior. Na cerimônia de abertura, Geraldo Alckmin, o Governador do Estado de São Paulo, destacou os esforços do Governo para o desenvolvimento das (...)

+ informações
Palavra de especialista
O setor de Retail nos Estados Unidos: apocalipse ou evolução?

Laurence Bacilieri
O setor de Retail nos Estados Unidos: apocalipse ou evolução?

Nos Estados Unidos, o comércio varejista vem registrando uma queda contínua do faturamento. O setor está passando por profundas mudanças, com a falência de 3.500 lojas, sem falar nas dificuldades que têm enfrentado as redes Macys e Sears & K-Mart. A exemplo do setor bancário, os grandes protagonistas do varejo americano estão (...)

+ informações

Seções