Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

L’Occitane: um ano decisivo

O Grupo L’Occitane divulgou seus resultados em junho último. Os números andam sorrindo para a empresa, que registrou faturamento de quase 1,2 bilhão de euros, revelando crescimento de aproximadamente 12% em relação ao exercício anterior. "Os principais focos de crescimento", ressalta o comunicado, "foram China, Japão, Hong Kong e Rússia". Outro destaque foram as vendas on-line, que cresceram mais de 31%. Por último, a margem operacional foi de quase 14%, ante 12,6% no exercício anterior. Esses resultados animadores são motivo de satisfação para Reinold Geiger, proprietário e CEO da empresa e principal responsável pelo sucesso do Grupo, que ele dirige desde 1992. Na entrevista a seguir, o personagem principal dessa história mostra os bastidores da empresa.

Reinold Geiger, CEO, L'Occitane Group

Reinold Geiger, CEO, L’Occitane Group

Brazil Beauty News - A empresa tem uma trajetória extraordinária, não é mesmo?

Reinold Geiger - É verdade! Tudo isso é fruto de um trabalho fantástico e coletivo, que mobiliza os 8 mil funcionários que o Grupo emprega atualmente, com o apoio de uma rede de distribuição formada por quase 3 mil lojas presentes em 90 países. Como toda história extraordinária, ela teve início com o encontro entre dois empreendedores. No caso da L’Occitane, foi em 1992, quando conheci Olivier Baussan. Alguns anos antes, Olivier, na época com 23 anos e estudante de Letras, ganhava a vida com a destilação de óleos essenciais de plantas características da região francesa de Provence – alecrim, zimbro, lavanda e oliveira. No início, Olivier vendia os produtos que fabricava em feiras da região. Em 1976, associou-se ao químico Yves Millou e criou a marca L’Occitane. Um ano mais tarde, Le Relais Occitane, primeira loja da marca, foi inaugurada em Manosque, na região Alpes-de-Haute-Provence. Em 1981, foi fundada a primeira fábrica, situada na cidade de Volx, região de Provence. A primeira loja de Paris foi inaugurada em 1992. Nesse mesmo ano, teve início a abertura de capital. Decidi apostar na empresa, com um primeiro investimento em 1994 e outro mais tarde, em 1996. Na época, a L’Occitane estava à beira da falência. Mas, veja bem: em 1996 e 1997, inaugurávamos as primeiras lojas em Nova York, Hong Kong e Tóquio e continuamos ampliando a rede comercial na França e em outros países.

Brazil Beauty News - Que elemento pode ser identificado como a base da originalidade da L’Occitane?

Reinold Geiger - O grande diferencial das marcas do Grupo é a elaboração de fórmulas cosméticas eficazes a partir de ingredientes de origem natural. Ano após ano, as equipes de P&D da empresa reacendem esse objetivo fundamental, guiados pelos valores da marca. Ao longo de todo o processo de suprimento de ingredientes vegetais, de obtenção e caracterização de moléculas ativas e de testes de eficácia na pele, as equipes de P&D do Grupo trabalham em total sinergia, a fim de oferecer o melhor de cada planta e otimizar sua qualidade e rastreabilidade, desde o local em que o insumo é colhido até o produto finalizado.

Nossos laboratórios pioneiros em cosméticos naturais lançaram, em 2009, um programa de cosmetogenômica, com o objetivo de demonstrar e confirmar a eficácia de princípios ativos presentes nas células. O setor de desenvolvimento da empresa, com capacidade de inovação superior a 400 fórmulas por ano, é uma referência na indústria de cosméticos.

Contamos com mais de 100 pesquisadores especializados nas 20 disciplinas científicas que contribuem para o desenvolvimento de novas fórmulas. Esse trabalho é muitas vezes o ponto de partida para o registro de patentes baseadas na comprovação dos princípios ativos naturais que selecionamos.

Brazil Beauty News - A inovação é parte integrante da estratégia da empresa, pelo visto...

Reinold Geiger - A cada ano, investimos cerca de 20 milhões de euros em nosso centro de pesquisas, que dispõe de uma área de 2.500m2. Nos últimos anos, os investimentos em pesquisa e desenvolvimento cresceram em um ritmo duas vezes maior que o ritmo de crescimento das receitas do Grupo. Isso evidencia claramente nosso compromisso com pesquisa e inovação. O centro dispõe de dez laboratórios: biologia molecular e celular, química analítica, extração vegetal, microbiologia, análise sensorial, avaliação clínica, além de três laboratórios de formulação (prospectiva, cuidados da pele e higiene corporal).

No âmbito do Grupo como um todo, nos últimos dois anos investimos mais de 120 milhões de euros em instalações industriais.

Brazil Beauty News - E os resultados registrados este ano foram particularmente bons!

Reinold Geiger - Sim, é uma grande satisfação anunciar este ano resultados tão satisfatórios, obtidos com base em nossa busca constante por um equilíbrio justo entre expansão das receitas e dos investimentos. A empresa vai continuar implementando uma estratégia direcionada para o caminho do crescimento sustentável e da eficácia. A capacidade da L’Occitane de evoluir e inovar garante a adaptabilidade e atratividade da empresa no mercado mundial, que cada vez mais se caracteriza por mudanças contínuas no padrão de consumo. Em relação ao futuro, as perspectivas macroeconômicas mundiais navegam em um cenário de instabilidade, marcado por grande volatilidade de moedas. Para reforçar a notoriedade da marca L’Occitane nos mercados mundiais, e diante das incertezas e instabilidades do comércio varejista, pretendemos implementar um programa de marketing que será lançado no próximo ano contábil. Temos certeza de que, graças a uma abordagem focada e coerente, que prepare o Grupo para os próximos desafios, juntamente com uma política de valorização da gestão com base em fatores que garantam uma rentabilidade sustentável no longo prazo, o crescimento será estimulado e poderá agregar valor para os acionistas.

Entrevista concedida a Jean-Yves Bourgeois
(Tradução: Maria Marques)

© 2015 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

O recém lançado eau de parfum masculino de Eudora, Impression, fala de um homem sofisticado, que soube criar e aproveitar as oportunidades que a vida lhe deu para evoluir. Com notas amadeiradas e ambaradas, a fragrância é baseada em cistus labdanum, musk e patchouli. A Centdegrés foi escolhida para representar através do design do (...)

+ informações
Palavra de especialista
Dr Dennis Gross: carro-chefe do mercado americano de tratamentos de ponta para a pele

Emmanuelle Bassmann
Dr Dennis Gross: carro-chefe do mercado americano de tratamentos de ponta para a pele

Quais são as novas propostas dos tratamentos dermatológicos? Que estratégias estão sendo desenvolvidas pelas principais marcas lançadas por profissionais de medicina ou baseadas em conceitos medicinais? Veja a seguir como a marca Dr Dennis Gross responde a essas perguntas. A linha de cuidados do Dr. Dennis Gross, lançada em 2002, teve (...)

+ informações

Seções