Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Radar

Inoar Cosméticos quer abrir novos mercados em 2015

Com um crescimento em torno de 30% nas exportações em 2014, a Inoa Cosméticosr acaba de fechar contrato com um novo distribuidor na Colômbia.

No ano passado, a indústria brasileira de produtos capilares investiu em uma profunda reestruturação na matriz produtiva, incluindo a reconstrução do seu parque fabril com o objetivo de ampliar a capacidade produtiva e também sua produtividade. Em relação ao ano de 2013, as vendas da Inoar mantiveram um crescimento na mesma faixa do mercado, em torno de 10%, e o crescimento total no faturamento foi de cerca de 13%.

Desenvolvimento internacional

Para o ano de 2015, a companhia quer abrir novos mercados; por isso, traçou um plano de investimento voltado à ampliação do seu parque produtivo, que contará com mais equipamentos de alta tecnologia.

Inoar Cosméticos, Argan Oil

Inoar Cosméticos, Argan Oil

Com mais de 180 produtos, a marca Inoar pode atualmente ser encontrada em 36 países através de vendas diretas para distribuidores, os quais revendem a salões e perfumarias em seus países de atuação. Os produtos podem ser encontrados na América do Sul, América do Norte, América Central, Europa, Leste Europeu, Norte da África, Angola e África do Sul, Oriente Médio e Austrália. A empresa tem uma central de distribuição própria em Miami (EUA), onde vende para distribuidores e diretamente para consumidores e um escritório comercial em Roma (Itália).

© 2015 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

O novo princípio ativo sensorial da Symrise proporciona uma suave sensação de calor sobre a pele, semelhante à de um raio de sol. Com o nome de Thermolat, ele foi desenvolvido para entrar na composição de cremes, géis e bálsamos e produz efeitos duradouros, com a vantagem de não provocar sensação de ardência ou queimação. "Comparado com o (...)

+ informações
Palavra de especialista
Inovação genderless baseada na neurociência

John Jiménez
Inovação genderless baseada na neurociência

A história da dança tem sido cheia de inovação, desde as primeiras criações de balé de Jean Georges Noverre, a dança moderna de Isadora Duncan, Martha Graham, Rudolph Nureyev e Pina Bausch até as interpretações modernas de Yanis Marshal, finalista da Britain’s Got Talent. A aclamada revista Science lançou durante alguns anos o concurso "Dance (...)

+ informações

Seções