Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Radar

Vitro aposta no mercado brasileiro com nova fábrica de embalagens de vidro

A Vitro, maior fabricante de vidros do México, decidiu investir cerca de 90 milhões de dólares na construção de uma nova unidade voltada para a produção de embalagens de vidro no Brasil. A empresa deseja atender ao mercado de cosméticos, perfumes e produtos de higiene, reforçando assim seu posicionamento neste que é o terceiro maior mercado mundial de cosméticos e perfumes.

"A previsão é de que a nova fábrica, que será construída com tecnologia própria, comece a operar a partir do segundo trimestre de 2016. Nesse meio tempo, nossa fábrica de Toluca, no México, continuará exportando para a América do Sul", explica Adrián Sada Cueva, diretor-presidente da Vitro. "A instalação de uma unidade industrial no Brasil contribuirá para consolidar a posição da Vitro como um dos protagonistas do mercado global de cosméticos e perfumes. Por meio da presença em várias regiões, a empresa deseja oferecer melhor atendimento a seus clientes", conclui.

© 2014 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

O recém lançado eau de parfum masculino de Eudora, Impression, fala de um homem sofisticado, que soube criar e aproveitar as oportunidades que a vida lhe deu para evoluir. Com notas amadeiradas e ambaradas, a fragrância é baseada em cistus labdanum, musk e patchouli. A Centdegrés foi escolhida para representar através do design do (...)

+ informações
Palavra de especialista
EUA: Varejo em festa no feriadão

Laurence Bacilieri
EUA: Varejo em festa no feriadão

Nos Estados Unidos, os resultados das vendas do fim de semana de Thanksgiving (24-27 de novembro) prometem deixar o varejo de excelente humor. Neste ano, 45% dos americanos já tinham começado a fazer as compras para as festas antes de 1° de novembro. Embora 79% dos comerciantes tivessem lançado descontos e promoções mais cedo que no ano (...)

+ informações

Seções