Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Radar

Sebrae quer estruturar indústria de cosméticos da Amazônia

A Amazônia brasileira possui a maior biodiversidade do planeta, no entanto, o potencial econômico da região voltado a produtos de higiene, cosméticos e perfumaria com base florestal ainda é pouco explorado, principalmente pelos pequenos negócios.

Para se ter uma dimensão do potencial econômico dessa biodiversidade, basta dizer que atualmente o uso industrial de matéria-prima da região para produtos desse segmento está concentrado em apenas 20 espécies vegetais, dentre as quais se destacam a castanha-da-Amazônia, andiroba, copaíba, cupuaçu, guaraná, buriti, açaí, entre outras de onde se extrai óleos e essências,” explica o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Descrição da castanha-do-brasil (Bertholletia excelsa) em Scientific American (...)

Descrição da castanha-do-brasil (Bertholletia excelsa) em Scientific American Supplement, No. 598, junho 18, 1887

O potencial da região desperta o interesse de empresas de outros países. Contudo, o pleno desenvolvimento dessa cadeia produtiva na região esbarra na baixa qualidade dos insumos extraídos da floresta e na ausência de laboratórios e equipamentos para agregar valor aos produtos.

Para mudar esse quadro, o Sebrae colocou em prática um projeto para estruturar o segmento industrial nos sete estados da região Norte (Acre, Amazonas, Maranhão, Pará, Roraima, Rondônia e Tocantins).

Das 2.446 indústrias brasileiras atuando no mercado de produtos de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos, 95% são micro e pequenas empresas, e apenas 48 estão localizadas na região Norte, principal foco da atuação do Sebrae no projeto.

O potencial da Amazônia é enorme, imensurável, e o Sebrae tem um papel importante no desenvolvimento deste conhecimento”, afirma Luiz Barretto, o presidente do Sebrae.

© 2015 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

O novo princípio ativo sensorial da Symrise proporciona uma suave sensação de calor sobre a pele, semelhante à de um raio de sol. Com o nome de Thermolat, ele foi desenvolvido para entrar na composição de cremes, géis e bálsamos e produz efeitos duradouros, com a vantagem de não provocar sensação de ardência ou queimação. "Comparado com o (...)

+ informações
Palavra de especialista
Surpreendendo a geração paradoxal

Lipotec - Lubrizol
Surpreendendo a geração paradoxal

Nós ouvimos sobre a geração Millennial em todos os lugares. Representando mais de um quarto da população global, eles são hoje, a geração mais influente e a mais difícil de compreender devido às suas diversas contradições. Os Millennials vivem suas vidas online, mas amam as interações da vida real. Eles são democráticos e inclusivos, mas pedem (...)

+ informações

Seções