Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

Quem disse, Berenice? quer ampliar presença em Portugal em 2017

Com três lojas inauguradas no final do ano passado em Lisboa e Porto, o país foi escolhido para dar início à internacionalização da marca de maquiagens do Grupo Boticário.

A expansão ocorreu em ritmo bastante acelerado. Inaugurada no segundo semestre de 2012, a Quem disse, Berenice?, mais jovem unidade de negócios do Grupo Boticário – encabeçado pela bandeira O Boticário e também proprietário da Eudora e The Beauty Box –, conta com 200 lojas distribuídas em todas as regiões brasileiras e já é a maior rede de franquias maquiagens do país.

Loja da Quem disse, Berenice?

Loja da Quem disse, Berenice?

Com portfólio que reúne mais de 500 artigos para pele, olhos, boca e unhas, além de perfumes e acessórios, a marca surgiu com uma proposta provocadora de quebrar regras de maquiagem e atender a mulheres de diferentes idades e estilos. Em suas lojas, as consumidoras têm acesso livre aos produtos, dispostos em bancadas com espelhos, pincéis esponjas, e podem testar as mais variadas combinações até encontrar suas cores ideais. São cerca de 100 tonalidades de batons, 70 de sombras e 18 de bases e corretivos, e os preços são competitivos: esmaltes saem por R$ 13,90, gloss labial por R$ 27,90 e máscara para cílios por R$ 35,90.

Consolidada em âmbito nacional, a Quem disse, Berenice? deu um importante passo em sua trajetória no final do ano passado, iniciando a internacionalização da empresa. “Sentimos que existia uma demanda de pessoas que já conheciam a marca e moravam fora do país”, afirma Gustavo Fruges, gerente de branding e marketing da companhia. Portugal foi o país escolhido e ganhou três lojas entre os meses de novembro e dezembro, uma no Porto e duas na capital, Lisboa.

Acreditamos que começar a expansão por Portugal, um país que fala a nossa língua, mas ao mesmo tempo está na Europa, facilita a compreensão do posicionamento da marca”, diz Fruges. O mercado de maquiagem português também foi um atrativo. De acordo com dados da empresa, a penetração da categoria no país é de 81%, enquanto que no Brasil não chega a 50%. Fora isso, já existia em Portugal uma estrutura física do Grupo Boticário – a bandeira O Boticário opera no país desde 1986 –, facilitando as negociações locais e toda a implementação do novo negócio.

As lojas portuguesas seguem o mesmo layout e padrão de atendimento do Brasil e as clientes terão à disposição mais de 400 itens da Quem disse, Berenice?, incluindo lançamentos, como o batom mate líquido e a linha voltada para sobrancelhas. Diferenças entre as legislações brasileira e portuguesa em relação a componentes das formulações impedem a entrada de alguns produtos do catálogo no continente europeu.

Apesar de não divulgar um número estimado de novas lojas ou fazer projeções específicas para o mercado externo em 2017, o gerente da empresa é claro: “o objetivo é ampliar nossa presença em Portugal”. Sete outros países onde o Grupo Boticário já está presente, como Angola e Moçambique, são cotados como prováveis destinos para a Quem Disse, Berenice? nos próximos anos. “Claro que sempre estamos de olho nas oportunidades, mas sem nada concreto para o momento”, ele acrescenta.

Não é porque voltou os olhos para os negócios internacionais que a rede de franquias deve estagnar no Brasil. “Ainda vemos várias possibilidades de crescimento no país”, assegura Fruges. “O conceito que a marca propaga, a liberdade, é um desejo universal. Por isso, acreditamos que a Quem disse, Berenice? tem oportunidades de expansão tanto dentro como fora do território nacional”, complementa.

O faturamento do Grupo Boticário em 2016 deve ser divulgado até o final do mês de março. Espera-se um crescimento na casa de um dígito, acima da média do setor. Em 2015, a holding registrou R$ 10,1 bilhões de receita, com um aumento de 8,8% em relação ao ano anterior.

Renata Martins

Portfólio

© 2017 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

As feiras FCE Cosmetique e FCE Pharma, que aconteceram entre os dias 23 e 25 de maio de 2017, receberam 15.400 visitantes e registrou um crescimento de 9%, em comparação com o ano anterior. Na cerimônia de abertura, Geraldo Alckmin, o Governador do Estado de São Paulo, destacou os esforços do Governo para o desenvolvimento das (...)

+ informações
Palavra de especialista
Alternativas ecológicas para microesferas de plásticos

Lipotec
Alternativas ecológicas para microesferas de plásticos

A sustentabilidade tornou-se uma grande preocupação nos tempos atuais. Os consumidores têm buscado produtos com ingredientes que não agridem o meio ambiente, visando diminuir os impactos causados. Na indústria de produtos voltados para cuidados com a pele, as microesferas de plástico, utilizadas ao longo da história em esfoliantes para a (...)

+ informações

Seções