Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Empresas e indústria

Pink Femme, da Contém 1g, traz modelo inédito de negócio ao Brasil

Hidratantes, óleos corporais, esfoliantes, colônias e desodorantes, todos com uma única fragrância e o mesmo tom rosa-choque em suas embalagens. Esta é a proposta ousada da Pink Femme, nova aposta da Contém 1g para retornar ao mercado de perfumaria no Brasil.

Daniel Rubini, diretor da Pink Femme

Daniel Rubini, diretor da Pink Femme

Presente no varejo há mais de 30 anos e com 170 lojas, a marca se tornou conhecida em todo o território nacional pelos seus cosméticos e perfumes. Mas há cerca de sete anos, uma reestruturação fez a rede mudar o foco para maquiagens, criando lojas-conceitos voltadas às classes A e B.

Com um investimento de R$ 2 milhões, que incluiu a instalação de fábrica própria, a Pink Femme estreia no mercado com uma linha de produtos para o corpo desenvolvidos a partir do mesmo aroma. Hoje, são 25 itens – mas devem chegar aos 40 – com preços que variam entre R$ 13 e R$ 68, visando atrair os consumidores das classes B e C.

A Pink Femme chega com outra novidade: além das tradicionais franquias de lojas e quiosques, a empresa traz ao Brasil o inédito modelo twister, já muito utilizado em outros países. Trata-se de móvel planejado para locais pequenos ou de grande circulação de pessoas, como corredores de shoppings, universidades, academias e terminais de ônibus ou metrô.

Estande twister da Pink Femme

Estande twister da Pink Femme

Ocupando uma área máxima de 3m2 quando está em funcionamento e apenas 1m2 se fechado, o twister tem prateleiras para a exposição dos produtos, gaveteiros para armazenar o estoque, espaço para computador e rodinhas, que permitem a mudança do local de venda. O investimento inicial também pode agradar os potenciais franqueados: R$ 48 mil, contra os R$ 78 mil para a abertura de um quiosque e R$ 95 mil para uma loja.

Desde seu lançamento, a Pink Femme já abriu quatro lojas na cidade de São Paulo, nos shoppings D, Tietê Plaza, Aricanduva e Central Plaza, alcançando um tíquete médio de R$ 60. A expectativa da rede é fechar 2014 com 20 pontos comercializados.

Portfólio

© 2014 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

As feiras FCE Cosmetique e FCE Pharma, que aconteceram entre os dias 23 e 25 de maio de 2017, receberam 15.400 visitantes e registrou um crescimento de 9%, em comparação com o ano anterior. Na cerimônia de abertura, Geraldo Alckmin, o Governador do Estado de São Paulo, destacou os esforços do Governo para o desenvolvimento das (...)

+ informações
Palavra de especialista
O setor de Retail nos Estados Unidos: apocalipse ou evolução?

Laurence Bacilieri
O setor de Retail nos Estados Unidos: apocalipse ou evolução?

Nos Estados Unidos, o comércio varejista vem registrando uma queda contínua do faturamento. O setor está passando por profundas mudanças, com a falência de 3.500 lojas, sem falar nas dificuldades que têm enfrentado as redes Macys e Sears & K-Mart. A exemplo do setor bancário, os grandes protagonistas do varejo americano estão (...)

+ informações

Seções