Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Ingredientes e fórmulas

Original Trade desenvolve insumos para cosméticos com matéria-prima da região amazônica

A empresa foi selecionada em edital de inovação do Sebrae para impulsionar a produção de bases emulsificadas de óleo de buriti e deve iniciar as operações no próximo ano.

A Original Trade ainda não chegou ao mercado, mas já tem história para contar. Desde maio de 2016, a startup de consultoria e negócios voltados para a sustentabilidade e o desenvolvimento social é incubada pelo INPA – Instituto Nacional de Pesquisa do Amazonas, instalado em Manaus.

João Tezza, fundador da Original Trade

João Tezza, fundador da Original Trade

Fundada em 2002, com aporte financeiro do Governo do Estado, a Incubadora de Empresas do INPA (IE-Inpa) abriga empreendimentos iniciantes, oferecendo estrutura para estimular, acompanhar e favorecer o desenvolvimento de projetos com foco em biodiversidade, tecnologia e inovação, dinâmica ambiental ou dinâmica das populações amazônicas.

Além de apresentar inovação em produto, serviço ou modelo de negócio em uma destas áreas, a empresa precisa ter pelo menos um fundador ou sócio dedicado ao empreendimento que participe das atividades do programa de incubação. Também é necessário que pelo menos um fundador ou sócio tenha formação ou experiência profissional comprovada na área de atuação, com condições para desenvolver o projeto proposto”, explica Deyvinson da Silva, gerente da IE-Inpa.

Atualmente incubando três empresas, o INPA abriu no último mês de março um processo seletivo para cinco novos empreendimentos. “Acreditávamos que receberíamos em média 70 inscritos, com base no edital lançado em 2015. No entanto, fomos surpreendidos com mais de 200 inscrições”, afirma o gerente. As empresas podem se candidatar na categoria residente, para se instalar no prédio da IE-Inpa, se comprometendo a dedicar, no mínimo, 20 horas semanais ao negócio no espaço, ou não-residente, para empreendimentos da região metropolitana de Manaus, que receberão suporte da incubadora à distância. De acordo com Silva, os custos elevados com deslocamentos na Amazônia são o motivo da restrição geográfica.

Estar incubado no mais importante instituto de pesquisa da Amazônia é uma grande oportunidade. Além de garantir credibilidade perante nossos parceiros, temos a abertura para propor e participar de pesquisas específicas relacionadas ao desenvolvimento de produtos e serviços”, diz João Tezza, fundador da Original Trade.

Com o auxílio da IE-Inpa, o empresário foi contemplado no edital InovAtiva Brasil 2016, realizado pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), para desenvolver insumos naturais para cosméticos a partir de matérias-primas da região amazônica. Com o prêmio de R$ 120 mil, a Original Trade irá impulsionar a produção de duas bases emulsificadas de óleo de buriti, uma com adição de extrato de camu-camu e outra com extrato de açaí.

Mais de 650 projetos se candidataram no edital de inovação do Sebrae e 189 foram selecionados – a Original Trade foi a única do Amazonas. “Conseguimos comprovar a viabilidade do projeto e principalmente os aspectos inovadores de nossa proposta. Essa iniciativa pode ajudar a dar escala para a produção de insumos amazônicos”, afirma Tezza.

Para Deyvison da Silva, ter uma empresa incubada contemplada no InovAtiva Brasil é, além de uma grande satisfação, “a validação de que nosso processo seletivo está conseguindo atrair projetos viáveis e com grande capacidade de inovação”.

A Original Trade deve iniciar suas operações no próximo ano, mas já tem estabelecido contato com empresas do setor de cosméticos. “A indústria está sempre em busca de novos ingredientes. Além das bases emulsificadas, estamos desenvolvendo uma linha de óleos especiais do extrativismo florestal da Amazônia”, diz Tezza.

Renata Martins

Portfólio

© 2017 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Centdegrés desenhou o novo conceito de loja da L'Occitane au Brésil

Centdegrés desenhou o novo conceito de loja da L’Occitane au Brésil

Varanda com piso frio e interior de madeira, plantas, uma grande mesa central, pergola iluminada, jardim, portas abertas, cores, cheiros, armários e comodas. Entrar na L’Occitane au Brésil é como entrar em uma aconchegante casa brasileira para se reunir entre amigos. Um lugar alegre e acolhedor, delicado e luminoso, singular e plural, (...)

+ informações
Palavra de especialista
Tendências para embalagens: Madeira sem fronteiras

Quadpack
Tendências para embalagens: Madeira sem fronteiras

Nenhum material de embalagem cativa tanto os sentidos quanto a madeira. Quem resiste à tentação de tocar, sentir o aroma e admirar a magnífica textura dessa verdadeira dádiva da natureza? Nesta série de murais de inspiração, os designers da Quadpack apresentam ideias e mostram as tendências predominantes para o uso desse material natural, (...)

+ informações

Seções