Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Laurence Bacilieri

Envelhecer ou não, eis a questão

O tempo, ao passar, não deixa seus sinais da mesma maneira em cada pessoa. Cirurgia plástica, cosmecêuticos ou simplesmente o orgulho de mostrar a idade? Diante de tantas possibilidades, cada um pode escolher entre envelhecer ou rejuvenescer.

O IMCAS (International Master Course on Aging Skin) acaba de publicar seu relatório anual sobre o mercado mundial de cirurgia e medicina estética de 2014. O documento revela que, apesar da crise, o mercado de produtos anti-idade está em boa forma, com um crescimento de 14,3% nas vendas e um faturamento estimado em 5,7 bilhões de euros. A Ásia foi a região que registrou o maior crescimento (13,2%), seguido por América Latina (8%), EUA (7%) e, por fim, Europa (6%). A previsão é que, em 2019, os EUA ainda representem 44% do mercado mundial, à frente da Ásia (28%), Europa (18%) e América Latina (10%).

No plano mundial, a liderança ficou com o mercado de injeções e tratamentos para a prevenção de rugas, que representou o maior número de procedimentos realizados, seja pela aplicação de Botox na parte superior do rosto ou de ácido hialurônico na parte inferior. Em termos de faturamento, o segmento respondeu por 38% do total. A surpresa de 2014 foi o crescimento de 8,2% do setor de dermocosméticos, reflexo do entusiasmo suscitado por esse tipo de produto, reforçado pela pertinência e eficácia dos recentes lançamentos.

Vejamos agora as novidades no universo de cosmecêuticos. Longe de declarar guerra às cirurgias plásticas, essa arma valorosa permite, entre outras coisas, oferecer tratamentos preventivos receitados por um médico. As estatísticas mostram que 43% dos pacientes fazem um tratamento cosmecêutico com o objetivo de preparar a pele antes de se submeter, pela primeira vez, a um procedimento anti-idade (injeções, laser) com o médico. Em relação aos tratamentos de segunda linha, o paciente tem a sua disposição peelings, fillers e microdermoabrasão. A aquisição de empresas como Obagi, Skinmedica e Neocutis pelos grupos Valeant, Allergan e Merz, protagonistas do setor farmacêutico, comprovam o crescente interesse por esse tipo de tratamento.

Surfando na onda da medicina estética e do sucesso alcançado junto ao público, os últimos lançamentos no segmento de dermocosméticos mostram que a eficácia pode ter também uma dimensão de prazer.

Essa filosofia está presente, por exemplo, no Idealia Skin Sleep, lançado recentemente pela Vichy: esse creme noturno recria os efeitos visíveis da ação reparadora de uma boa noite de sono, conferindo à pele seu aspecto ideal, mesmo quando o usuário dorme poucas horas. A fórmula mágica, com textura gel/creme, contém seis ingredientes ativos e um complexo. As noites "curtas demais", além de deixarem no rosto as marcas visíveis do cansaço acumulado, no longo prazo favorecem o envelhecimento prematuro da pele feminina. Essa deficiência de sono perturba o funcionamento dos hormônios e prejudica os ritmos biológicos.

Outra novidade é o Revitalift Volume Filler, da L’Oréal Paris, que corrige a perda de volume da pele e atenua os sinais de envelhecimento cutâneo. A fórmula contém uma concentração excepcionalmente alta de ingredientes que tonificam a pele, como ácido hialurônico e Fibroxyl, que oferecem uma solução eficaz contra o afinamento da pele e a perda de volume.

Por fim, a Dr Brandt lançou o Needles No More. Esse creme antirrugas relaxante tem efeito imediato sobre a musculatura facial, suavizando as rugas de expressão.
Mas, apesar de todos esses recursos, ainda há lugar para quem se sente bem com a idade que tem. Prova disso são as 70 fotografias de mulheres com idade a partir de 50 anos, no esplendor da maturidade, apresentadas no magnífico livro “Natures de Femmes”. A obra, de autoria do Dr. Philippe Evenou, dermatologista, foi patrocinada pela Christian Dior e editada pela Gourcuff Gradenigo.

Laurence Bacilieri – Cosmetic Ressources (Tradução: Maria Marques)

Portfólio

© 2015 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

Sobre Laurence Bacilieri

Laurence Bacilieri especializou-se na indústria de cosméticos, na qual atua há mais de 30 anos. Sua trajetória inclui experiências como jornalista para a imprensa especializada, consultora expert em beleza para um programa da televisão americana e consultora sênior para o Mintel Group. Titular de um MBA pela Universidade de Columbia, ela fala fluentemente o inglês e o francês.

Com um trabalho 100% focalizado no monitoramento dos mercados de cosméticos, Laurence Bacilieri criou a Cosmetic Ressources, escritório de consultoria em Marketing Intelligence especializado em beleza, novas tendências de produtos e conhecimento dos consumidores.

Laurence Bacilieri presta assessoria a empresas, ajudando-as a vencer os desafios no processo de desenvolvimento de produtos e marketing.

Site da agência:
http://cosmeticressources.org

Foco
Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

As feiras FCE Cosmetique e FCE Pharma, que aconteceram entre os dias 23 e 25 de maio de 2017, receberam 15.400 visitantes e registrou um crescimento de 9%, em comparação com o ano anterior. Na cerimônia de abertura, Geraldo Alckmin, o Governador do Estado de São Paulo, destacou os esforços do Governo para o desenvolvimento das (...)

+ informações
Palavra de especialista
O setor de Retail nos Estados Unidos: apocalipse ou evolução?

Laurence Bacilieri
O setor de Retail nos Estados Unidos: apocalipse ou evolução?

Nos Estados Unidos, o comércio varejista vem registrando uma queda contínua do faturamento. O setor está passando por profundas mudanças, com a falência de 3.500 lojas, sem falar nas dificuldades que têm enfrentado as redes Macys e Sears & K-Mart. A exemplo do setor bancário, os grandes protagonistas do varejo americano estão (...)

+ informações

Seções