Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Khalid Peerbaccus

Chocolate na janta as rugas espanta?

No mundo contemporâneo dominado pelo culto à imagem e pela onipresença das mídias sociais - mundo em que uma selfie tirada instantaneamente permanece na internet indefinidamente -, alguns fabricantes pretendem convencer os consumidores de que pequenos prazeres, como cerveja e chocolate, não são tão nefastos quanto dizem por aí. Será que conseguirão?

A maioria dos consumidores valoriza a aparência e deseja sempre estar com o melhor visual possível. Segundo pesquisa realizada em escala mundial pela Canadean em 2015, 40% dos consumidores consideram a aparência como algo relativamente importante, enquanto 30% declaram que ela é muito importante. Tendo como pano de fundo a crescente popularidade das mídias sociais, e em particular a explosão da prática de selfies, 40% dos consumidores consultados nessa pesquisa de âmbito mundial pensam que sua aparência pessoal em fotos e imagens é relativamente importante, enquanto 25% consideram que ela é muito importante. Embora sempre exista a possibilidade de recorrer a cirurgias plásticas, essa opção não é totalmente isenta de riscos e pode custar caro. Por isso, muitos sonham com um alimento ou uma bebida capaz de ajudar o corpo a voltar no tempo...

Nos últimos anos, vimos surgir "drops de beleza" e outros tipos de complementos alimentares que prometem rejuvenescer a pele de dentro para fora. Na maioria das vezes formulados com ingredientes que supostamente melhoram a aparência, como colágeno, biotina, coenzima Q10 e babosa, esses drops - a exemplo de muitas multivitaminas - são comercializados com base no princípio de que serão comprados como complemento alimentar por consumidores atentos à saúde. Buscando capitalizar sobre a proposta de oferecer soluções de beleza de dentro para fora, foram lançados em 2015, no Reino Unido, os "chocolates de beleza" Esthechoc Cambridge.

Com a apresentação na forma de caixa de chocolates, a ideia é oferecer um produto de alto padrão, capaz de atrair o interesse de consumidores dispostos a gastar um pouco mais por um produto de beleza elaborado com base em pesquisas científicas. Entre as características anunciadas, os chocolates são apresentados como "o primeiro nutricosmético do mundo com efeito cientificamente comprovado sobre o metabolismo da pele após uma certa idade". Segundo o fabricante, o chocolate da beleza reúne "substâncias ativas altamente eficazes: astanxantina (o mais poderoso antioxidante reconhecido pela ciência) e polifenóis de cacau na forma de epicatecinas". Para quem acha que a proposta de cuidar de si e resgatar a aparência da juventude não é argumento suficiente, um outro fator que pode pesar na balança é o aval de "dez anos de pesquisas desenvolvidas na Universidade de Cambridge, Reino Unido".

Em 2015, vimos também surgir uma cerveja com colágeno, lançada pela Suntory. Para o público feminino, a cerveja sempre foi considerada uma bebida extremamente calórica, em geral reservada a consumidoras pouco femininas. No entanto, a nova cerveja japonesa Precious foi justamente desenvolvida para mulheres que desejam cuidar da aparência. Segundo o fabricante, cada lata contém dois gramas de colágeno. Embora essa substância não seja novidade em cosméticos destinados a revigorar, firmar e rejuvenescer a pele, sua presença como ingrediente em uma bebida - especialmente uma cerveja - pode revolucionar o mercado.

A ideia de desfrutar de um prazer sem culpas pode constituir um argumento para conquistar os consumidores constantemente bombardeados por declarações na mídia sobre os benefícios da beleza e os riscos de ingerir "besteiras" em excesso - principalmente chocolate e álcool. Segundo estatísticas apresentadas no estudo, 36% dos consumidores declaram concordar parcial ou totalmente com a afirmação de que se sentiriam menos culpados ao consumir alimentos ou bebidas nocivos à saúde se eles contivessem um ingrediente saudável. Numa era em que não se pode mais ignorar que tudo o que nosso corpo ingere contribui para nossa construção ou destruição, os fabricantes pretendem limpar a má reputação da cerveja e do chocolate, promovendo seus benefícios e ressaltando a presença de ingredientes capazes de seduzir a geração aficionada por selfies, que quer ter sua imagem sempre visível nas mídias sociais.

Khalid Peerbaccus

© 2016 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

Sobre Khalid Peerbaccus

Desde 2011, faço parte da equipe Product Launch Analytics da Canadean, cujo objetivo é descobrir e analisar produtos inovadores lançados em diversas regiões do globo. Graças a esse trabalho, tive a oportunidade de viajar por vários países e dialogar com fabricantes e revendedores, além de ter acumulado sólidos conhecimentos sobre o mercado de bens de consumo de alta rotatividade (FMCG).

Especializado no universo de cuidados pessoais, tenho uma preferência marcada pelos setores de cosméticos masculinos e tabacaria, sobre os quais publiquei diversos artigos com conteúdo específico. Paralelamente, meus conhecimentos da língua alemã me levaram a efetuar pesquisas para os mercados de FMCG da Alemanha e da Áustria.

Site da agência: www.canadeanconsumer.com

Foco
Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

Centdegrés desenha o novo eau de parfum masculino de Eudora, Impression

O recém lançado eau de parfum masculino de Eudora, Impression, fala de um homem sofisticado, que soube criar e aproveitar as oportunidades que a vida lhe deu para evoluir. Com notas amadeiradas e ambaradas, a fragrância é baseada em cistus labdanum, musk e patchouli. A Centdegrés foi escolhida para representar através do design do (...)

+ informações
Palavra de especialista
Dr Dennis Gross: carro-chefe do mercado americano de tratamentos de ponta para a pele

Emmanuelle Bassmann
Dr Dennis Gross: carro-chefe do mercado americano de tratamentos de ponta para a pele

Quais são as novas propostas dos tratamentos dermatológicos? Que estratégias estão sendo desenvolvidas pelas principais marcas lançadas por profissionais de medicina ou baseadas em conceitos medicinais? Veja a seguir como a marca Dr Dennis Gross responde a essas perguntas. A linha de cuidados do Dr. Dennis Gross, lançada em 2002, teve (...)

+ informações

Seções